Manhã Juvenil em Caxias do Sul

Ocorreu no dia 30 de setembro de 2012 na  Sociedade Espírita Amor e Caridade em Caxias do Sul, a Manhã Juvenil organizada pelo DIJ UME Caxias e CRE 3.

O tema “Os Desafios da Sexualidade” foi trabalhado pelo palestrante Dr. Alberto Almeida na forma de palestra interativa.

Participaram da manhã juvenil  79 jovens  e evangelizadores das casas espíritas Bezerra de Menezes, Alunos do Bem, Jesus de Nazaré, Fora da Caridade Não Há Salvação, Seara de Luz (S. Marcos), Portal da Luz (Nova Roma), Allan Kardec (Farroupilha) e Joanna de Ângelis.

Veja as fotos do evento:

Este slideshow necessita de JavaScript.

De Caxias do Sul nos chegam notícias do Dia Juvenil

O Dia Juvenil “A Arte Espírita a Serviço do Bem”, promovido pela 3ª Região (DIJ/GPJ Caxias em Ação) no dia 3 de junho foi um sucesso! Com certeza, os 42 jovens e os 25 evangelizadores presentes, ainda sentem o coração vibrar intensamente com a lembrança dos momentos inesquecíveis vividos neste dia!

A alegria contagiante dos jovens durante toda a atividade comprova que os (*) objetivos propostos foram alcançados. Prova disso são os testemunhos deixados nas avaliações do Encontro, aliás, muito positivas, por exemplo:

– “Aprendi nessa oficina (Poesia) que não precisamos ser poetas para ajudar os outros com palavras”;

– “Em cada verso escondido, encontra-se um sentimento pronto para explodir”;

– “Adorei saber mais sobre música espírita”;

O Grupo de música “Evangelizar é Amar” abriu a Jornada sensibilizando, com a música, os corações presentes e preparando o ambiente para aquilo que seria um Dia Juvenil muito Especial para a nossa Região!

Na sequência, apresentação teatral do Grupo de Teatro formado por jovens do Centro Espírita Fora da Caridade Não Há Salvação.

Dani Ângelo (DIJ UDE NAVEGANTES – CRE1) fez a Exposição doutrinária “Arte e Arte Espírita”.

A seguir, iniciaram-se as Oficinas de Trabalho, cada qual, enfocando um tema da “Cartilha do Bem”, relacionando-o a uma forma de expressão de Arte, ou seja:

→ Arte: Música – Tema: Amar;

→ Arte: Teatro – Tema: Educar;

→ Arte: Artes Visuais/Desenho – Tema: Iluminar;

→ Arte: Poesia – Tema: Orar;

→ Arte: Vídeo – Tema: Unir.

O trabalho foi estruturado da seguinte forma:

Todos os jovens participaram das cinco oficinas – duas na parte da manhã e três à tarde.

Após as oficinas, os jovens tiveram um tempo extra para elaborarem um fechamento para o tema, (de acordo com a opção de arte feita no momento da inscrição), apresentando-o ao grande grupo.

 O intervalo para o almoço foi enaltecido pelo talento musical do “Evangelizar é Amar”.

O encerramento dos trabalhos, os comentários finais e a prece também estiveram sob sua coordenação.

Objetivos do Encontro: Proporcionar momentos de aprendizagem relacionados à Arte – à sensibilidade que ela desperta no ser, possibilitando, aos jovens, uma concepção mais ampla e mais precisa das regras de harmonia e beleza existentes no universo.

Prestigiaram o evento, a Presidente da UME Caxias e a Presidente do Conselho Regional Espírita da 3ª Região.

Tivemos também a presença de Ronaldo Teixeira Coelho, representando o DIJ FERGS, o qual, juntamente com Bárbara Demétrio, conduziu a atividade com os Evangelizadores.

Oficina para Evangelizadores

 “Arte x Arte espírita: como utilizar as Artes no Planejamento das Aulas de Evangelização?”

Coordenação: Bárbara Demetrio e Ronaldo Teixeira Coelho.

Aproveitando o ensejo do Dia Juvenil realizado pelo Grupo de Programações Juvenis (GPJ) Caxias Em Ação, em parceria com o Departamento de Infância e Juventude da União Municipal Espírita – DIJ UME da 3ª Região, os Evangelizadores de Infância e Juventude participaram de uma oficina, tratando do mesmo tema.

Objetivo da atividade: Proporcionar ao evangelizador, momentos de aprendizagem relacionados ao uso das artes na elaboração do planejamento das aulas de evangelização, buscando despertar nele a importância da inserção da música, dança, pintura, escultura, teatro, cinema e literatura em suas aulas. Auxiliar, enfim, o evangelizador a despertar o verdadeiro sentido da Arte Espírita – segundo André Luiz – “A Arte Espírita do Belo criando o Bem”.

Durante a manhã os evangelizadores refletiram sobre a importância da Arte através de uma exposição dialogada, na qual puderam trocar experiências, tirando dúvidas de forma fraterna e descontraída.

À tarde os evangelizadores tiveram a oportunidade de desenvolver planos de aula, utilizando as mais variadas formas de arte, visando aprimorar técnicas para facilitar aos seus evangelizandos, a compreensão dos conteúdos espíritas e estimulá-los à vivência do Bem e do Belo.

Foram exibidos os vídeos da campanha do DIJ da Federação Espírita Brasileira (FEB), que promovem a Evangelização da Criança e do Jovem e também a campanha “Tarefeiros do Bem”, proporcionando o entendimento sobre a importância da inserção do jovem nas atividades do Movimento Espírita, primeiramente nas Casas Espíritas.

Participaram da oficina 15 evangelizadores, que avaliaram a atividade como de grande importância para a troca de conhecimentos e aprendizados. Todos apoiaram a iniciativa, que foi pioneira na região, de oferecer no Dia Juvenil, um espaço especial para o evangelizador.

Mais fotos do evento

Este slideshow necessita de JavaScript.

Visita do escritor Adeílson Salles

O escritor espírita Adeílson Salles, é natural do Guarujá- SP, porém reside há alguns meses em Porto Alegre, engajado nas atividades da FERGS (Federação Espírita do Rio Grande do Sul).Esteve visitando nosso Centro Espírita no dia 12 de maio, sábado, apreciando todos os trabalhos realizados pelo DIJ, participando por alguns minutos em cada Ciclo, trocando informações e respondendo às perguntas de nossas crianças e jovens.Todos os evangelizandos ficaram encantados com suas histórias, bem como os jovens, incentivados a ler e escrever.Por fim, o autor autografou várias de suas obras, participou do coquetel oferecido pelo DIJ e inspirou a todos “que nunca é tarde para começar algo de bom em nossa vida.”

Kácia Estivalet – DECOM

Fonte: Correio Fraterno, Boletim de divulgação do Centro Espírita Irmão Joaquim Cacique de Barros de Bento Gonçalves