UDE Tristeza apresentou o tema Aborto no Trocando Ideias

O tema do Aborto foi desenvolvido no dia 11 de fevereiro de 2014 pelo GPJ UDE TRISTEZA no TROCANDO IDEIAS 2014, de forma criativa e sensibilizadora através de dramatização sobre os sentimentos e expectativa dos envolvidos, tanto da abortante quanto do abortado.

Após a dramatização os participantes foram divididos em dois grupos simulando um júri, onde um grupo foi desafiado a apresentar argumentos em defesa da abortante e o outro teve de apresentar argumentos contrários ao aborto. O  Júri simulado permitiu momentos de troca de ideias entre os dois grupos, visando enriquecer os conhecimentos dos participantes através de debate sadio e ordenado da questão proposta. Foi também uma forma de preparar os participantes para o diálogo fraterno e respeitoso com pessoas que não partilham do ponto de vista da Doutrina Espírita sobre o aborto. Além disso, se concluiu que mesmo sendo contrários ao aborto não devemos o julgar nem condenar quem o praticou, e sim auxiliar no sentido de prevenir outros equívocos, amparando e auxiliando a todos.

Finalizando a atividade foi exposto o posicionamento da Doutrina Espírita em   relação ao aborto, baseado nas Obras Básicas e nos livros Vida e Sexo (Emmanuel), Sexo e Evolução ( Walter Barcelos),  Missionários da Luz ( André Luiz) e Transição Planetária (Manoel Philomeno de Miranda) , entre outras.

Anúncios

GPJ UDE Partenon trata do tema Suicídio no Trocando Ideias

No dia 21 de janeiro, na FEDERAÇÃO ESPÍRITA DO RIO GRANDE DO SUL os jovens do GRUPO DE PROGRAMAÇÕES JUVENIS PARTENON promoveram importantes reflexões sobre o suicídio na adolescência e a valorização da vida, no espaço TROCANDO IDEIAS 2014.

DSCN2227

Inicialmente foram apresentados dados atuais da Organização Mundial de Saúde sobre o suicídio e o que doutrina espírita esclarece sobre o assunto.

???????????????????????????????

Usando a técnica de Teatro do Oprimido foram dramatizadas três situações envolvendo tentativas de suicídio na adolescência: uma por desilusão amorosa, outra por bullying na escola e a terceira por conflitos familiares.

Suspensas as cenas, os participantes puderam analisar as situações e escolher consensualmente uma forma de finalizar as situações, assumindo os papéis e encenando os momentos finais de cada drama.

???????????????????????????????

Nas reflexões finais sobre as situações dramatizadas os participantes (jovens, evangelizadores e familiares) destacaram a importância do conhecimento espírita sobre a vida além da morte e sobre as consequências espirituais do suicídio na prevenção do mesmo. Mas acima de tudo, foi destacada a importância da expressão do amor, da atenção e em especial o papel da família para que o jovem se sinta amado e fortalecido. “Que não basta só o saber, é necessário sentir.”

Os jovens concluíram que é necessário divulgar mais os conhecimentos espíritas sobre o suicídio e sempre que possível tentar intervir nas situações em que perceberem alguém em risco, conversando de preferência pessoalmente e também por telefone e redes sociais.

Algumas das referências utilizadas na atividade:

●     O Livro dos Espíritos, 4ª parte, capítulo 1, item VI;

●     O Evangelho Segundo o Espiritismo: capítulo V Bem-aventurados os aflitos, item14 O Suicídio e a loucura;

●     Nosso Lar, capítulo VI- o Suicida;

●     Opúsculo Em favor da vida- Suicídio Não!- FEB

●     Memórias de um Suicida – pelo Espírito Camilo Cândido Botelho
Ivonne A. Pereira

●     Temas da vida e da morte; Divaldo Pereira Franco, espírito Manoel Philomeno de Miranda;

●     Prevenção do suicídio: Um recurso para conselheiros – Departamento de Saúde Mental e de Abuso de Substâncias. Gestão de Perturbações Mentais e de Doenças do Sistema Nervoso – Organização Mundial de Saúde — OMS Genebra -2006

●     Leis De Amor- Emmanuel- Cap. IV, Divórcio, suicídio e aborto.

 Sites:

MAIS FOTOS

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Trocando ideias 2014 inicia em alto astral!

Com o objetivo de oportunizar espaços ao estudo e reflexão do Jovem Espírita; contemplar o protagonismo juvenil e proporcionar troca de conhecimentos durante as férias de verão, o Departamento de Infância e Juventude da Federação Espírita do Rio Grande do Sul, promove mais um Trocando ideias.

E o 1º dia do Trocando Ideias 2014 foi de responsabilidade do GPJ UDE Centro que com muita alegria e criatividade tratou do tema “A VISÃO ESPÍRITA SOBRE OS ANIMAIS”.

DSCN2164

Os jovens do GPJ UDE Centro abordaram questões como o papel dos animais na criação divina; a evolução dos animais, animais e o meio espiritual; o ser humano e a moralidade animal; o pensamento animal; os sentimentos dos animais; Os animais possuem linguagem?; Os animais possuem mediunidade?; Os animais reencarnam?

Para isso simularam um  “Pinga Fogo” com “Chico Xavier” acompanhado de seu mentor espiritual  “Emmanuel”, representados por jovens caracterizados, que responderam a várias perguntas sobre  o tema.

DSCN2174

Após o “Pinga Fogo”  foi feito um sorteio, de forma lúdica, onde cada grupo recebia um conto retirado do livro “Chico Xavier, o amigos dos animais” e no final de cada conto havia uma pergunta-estímulo para a troca de ideias nos pequenos grupos e após, as conclusões  foram compartilhadas com o grande grupo oportunizando mais um momento de troca de conhecimentos e interatividade entre os participantes.

DSCN2188

No encerramento o jovem Lucas Guimarães ( GPJ UDE NAVEGANTES)  tocou a música “Os animais vou proteger” do grupo Evangelizar é Amar, com a participação especial do  Dani, que se fazia presente prestigiando o encontro.

???????????????????????????????

O momento musical  contemplou ainda outras músicas, a pedido dos participantes, como A dança da natureza, O Chamado e a música Mestre Jesus que encerrou o encontro com todos em círculo de mãos dadas.

???????????????????????????????

Fabiano Boeira, coordenador da Juventude Espírita da FERGS enfatizou a importância do protagonismo juvenil no Trocando Ideias e convidou a todos para participarem dos próximos encontros, cooperando também na divulgação dos mesmos.

MAIS FOTOS

Este slideshow necessita de JavaScript.

Avaliação do Trocando Ideias

Neste sábado dia 09 de março, na FERGS, ocorreu a Oficina de Avaliação do Trocando Ideias por representantes dos quatro GPJs que trabalharam seus temas na edição 2013, os GPJs Partenon, CRE 2, Litoral e Navegantes. Na ocasião os jovens integrantes dos GPJs e seus coordenadores puderam refletir sobre a importância do trabalho, compartilharam suas conquistas e suas dificuldade e ainda colaboraram com sugestões para as próximas edições do Trocando Ideias.

Este slideshow necessita de JavaScript.